terça-feira, 21 de setembro de 2010

De educadores para educadores

Oficina de Formação "Educação para a Cidadania Global na Escola? 

Ana Lagoa, Fátima Capelo, Fátima Roldão, Graça Delgadinho, Graça Dias, Luísa Costa, Maria Reina Pimpão, Patrícia Santos (org.), Ricardo Cipriano, Rosa Fernandes: Professores/as participantes na Oficina de Formação "Educação para a Cidadania Global na Escola", dinamizada pelo CIDAC - Centro de Informação e Documentação Amílcar Cabral, em parceria com o Centro de Formação Professor Orlando Ribeiro - Associação de Professores de Geografia.


A escola está em revolução! Os pequenos projectos que aqui e ali foram surgindo tiveram um efeito multiplicador. Gradualmente uma turma contagiou a outra e toda a comunidade educativa ganhou o hábito de questionar a realidade envolvente, reflectir criticamente sobre os problemas locais e globais, criar formas de intervenção (pessoal e colectiva) que contribuíssem para o bem comum. As crianças e jovens contagiaram a comunidade local, habituados que estavam a tomar decisões responsáveis e a assumir um papel comprometido com os valores da solidariedade e da justiça social na turma, na escola, no bairro...

O cenário antes descrito seria o desejável, mas infelizmente nas nossas escolas o tom usado não é o rosa. Bem pelo contrário, às vezes, o vermelho é tão intenso... Afinal, as nossas escolas fazem parte da sociedade em que vivemos, têm os mesmos problemas e virtudes.
Estão inseridas numa cultura de facilitismos que se reflecte no dia-a-dia. Alguns dos nossos alunos e alunas quando se deparam com alguma dificuldade tentam desistir da aprendizagem...
Mas aprender não é tarefa fácil! Aprender não tem de ser fácil. Faz dor de cabeça. É demorado. Mas repleto de aventuras. Estão inseridas em sociedades que vivem alicerçadas num pensamento tecnicista. A escola vai "domesticando" cada criança e jovem tendo em conta as necessidades políticas, económicas e sociais. Um saber "empacotado" de respostas em "bandejas". Mas... aprender não é assim!
Aprender é despertar uma reflexão crítica baseada, simultaneamente, em factos concretos do mundo actual e nas suas próprias vivências. É partir daqui para projectarmos os nossos alunos e alunas mais além: analisar e questionar situações locais e globais, evidenciar as interligações e a interdependência presente entre todas as pessoas, regiões e países, descobrir as nossas próprias verdades. Um constante movimento de construção, desconstrução e reconstrução.
Estão inseridas numa cultura em que os outros - seja o Estado, sejam os nossos superiores hierárquicos, sejam os nossos familiares e amigos... - têm responsabilidades das quais, por este ou aquele motivo, fugimos através da arte da desculpa e da sua fundamentação. Mas, neste planeta, nada do que deixamos de fazer ou do que fazemos é alheio ao destino das restantes pessoas. E para nós, enquanto educadores e educadoras, isso é muito mais verdade! Não somos seres neutros, somos seres éticos e políticos: fazemos opções e tomamos decisões comprometidas com os nossos valores, ideias e ideais e que influenciam as crianças e jovens com quem trabalhamos, os nossos colegas, as nossas direcções...
Por exemplo, a quem cabe a tarefa de seleccionar as estratégias que melhor se adequam às características dos nossos alunos e alunas e que melhor servem os objectivos a que nos propomos?! E esta opção tem um papel importantíssimo na construção de aprendizagens significativas...
Se optarmos por um ensino pela descoberta podemos dar oportunidade aos alunos e alunas de realizarem experiências e trabalhos de pesquisa de forma autónoma. Sob a nossa coordenação, podem explorar as suas próprias questões, promover o seu espírito de observação, de iniciativa, de capacidade crítica, de curiosidade científica e de partilha e colaboração.
Se quisermos abrir a escola à comunidade e ao mundo, a aprendizagem resulta em infinitas aventuras pedagógicas. Optamos por uma forma de combater a insularização dos saberes, mostrando que o currículo não é apenas o plano ou "currículo prescrito" mas também o "currículo vivido". Por uma forma de povoar o descampado dos saberes importantes com novos sentidos. É possível experimentar aí os sentimentos de sucesso e de fracasso, as sensações de insegurança e incompletude, tal como na vida - uma verdadeira "pedagogia da incerteza", colectivamente assumida e saboreada. Em ambos os casos temos uma convicção: acreditamos que cada um pode ser o construtor do seu saber, do seu processo de aprendizagem. Deixamos de querer "presentear" os alunos e alunas com súmulas mais ou menos complexas e iguais todos os anos, deixamos de nos revelar avessos às mudanças para passar a acompanhar, a desafiar, a apoiar e avaliar todo o processo educativo.
E, claro, que um trabalho finalizado acarreta, inevitavelmente, milhares de outros por começar. Ao reflectirmos sobre um processo remexemos em memórias acabadas de chegar, esgravatamos no terreiro das concretizações, levantamos insatisfações - ideias por realizar ou, definitivamente, abandonadas - ... tudo já em estado de nova construção. E com toda esta mexida sente-se uma agradável aragem que acorda e recarrega as nossas mais fortes determinações. A nossa criatividade. A nossa energia.
Bem, com tudo isto e com todo o percurso efectuado por nós (incluindo o desalento que sentimos em determinadas fases) queremos dizer-vos que fica a necessidade de agir, de construir um mundo em que deixamos de ser espectadores e passamos a ser actores, reformulando, tantas vezes quantas necessárias, o nosso caminho enquanto educadores e educadoras.
Porque, afinal, é impossível não estar co(i)mplicado nos acontecimentos do nosso mundo. Porque, afinal, hoje os nossos desafios são mais complexos, mais ambiciosos, mas educar continua a ser uma tarefa muito enriquecedora e gratificante. Porque, afinal, para nós as situações imprevistas que se nos deparam são desafios e não condenações.
Porque, afinal, temos de lutar pelo nosso valor social, pela nossa importância. Porque, afinal, somos os que ainda podem fazer sonhar. Porque as nossas escolas podem não ser fáceis ou as melhores no ranking escolar, mas certamente são lugares especiais porque nelas estamos nós!
Nota: O presente artigo foi escrito a várias mãos pois integra citações de textos elaborados pela educadoras e educador acima citados.
por: Oficina de Formação "Educação para a Cidadania Global na Escola”
In: http://www.educare.pt/educare/Educare.aspx

Sem comentários:

Leituras

Leituras
Os livros que se seguem apresentam as minhas opiniões sobre os mesmos. Exclusivamente o meu "ponto de vista". EC

Índice médio de felicidade

Índice médio de felicidade
clicar na imagem para ler o post

Eu até sei voar

Eu até sei voar
clicar na imagem para ler o post

Mágoas da Escola

Mágoas da Escola
clicar na imagem para ler o post

CINCO PAIS NATAIS E TUDO O MAIS

CINCO PAIS NATAIS E TUDO O MAIS
clicar na imagem para ler o post

Deixa-me entrar

Deixa-me entrar
clicar na imagem para o post

Caderno de Tóquio

Caderno de Tóquio
clicar na imagem para ler o post

Le goût des glaces

Le goût des glaces
clicar na imagem para ler o post

Não os desiludas - histórias da escola

Não os desiludas - histórias da escola
clicar na imagem para ler o post

Eu quero Amar, Amar perdidamente

Eu quero Amar, Amar perdidamente
clicar na imagem para ler o post

A ferramenta que faz os contos

A ferramenta que faz os contos
Clicar na imagem para ler o post

A arte de ensinar

A arte de ensinar
clicar na imagem para ler o post

O Futuro da Escola Pública

O Futuro da Escola Pública
clicar na imagem para ler o post

A inclusão nas escolas

A inclusão nas escolas
clicar na imagem para ler o post

Crianças em Risco VOL 4

Crianças em Risco VOL 4
clicar na imagem para ler o post

A vida na porta do frigorífico

A vida na porta do frigorífico
clicar na imagem para ler o post

O mundo segundo BOB

O mundo segundo BOB
clicar na imagem para ler o post

A Saga de um Pensador - O Futuro da Humanidade

A Saga de um Pensador - O Futuro da Humanidade
clicar na imagem para ler o post

A intuição leitora, a intuição narrativa

A intuição leitora, a intuição narrativa
clicar na imagem para ler o post

Tu tens direito

Tu tens direito
clicar na imagem para ler o post

Políticas educativas em Portugal

Políticas educativas em Portugal
Clicar na imagem para ler o post

Mafaldisses - crónica sobre rodas...

Mafaldisses - crónica sobre rodas...
clicra na imagem para ler o post

Todas as cores do vento

Todas as cores do vento
clicar na imagem para ler o post

Prisioneiro em mim

Prisioneiro em mim
clicar na imagem para ler o post

Crónicas do avó Chico

Crónicas do avó Chico
cliacar na imagem para ler o post

PSICOMOTRICIDADE – Jogos facilitadores de aprendizagem

PSICOMOTRICIDADE – Jogos facilitadores de aprendizagem
Clicar na imagem para ler o post

Fala Comigo

Fala Comigo
clicar na imagem para ler o post

Sara, A Luz

Sara, A Luz
clicar na imagem para ler o post

Indisciplina Na Escola

Indisciplina Na Escola
clicar na imagem para ler o post

O quarto de Jack

O quarto de Jack
clicar na imagem para ler o post

A Magia das chaves

A Magia das chaves
clicar na imagem para ler o post

Gaudi, um romance

Gaudi, um romance
clicar na imagem para ler o post

o ladrão de Sombras

o ladrão de Sombras
clicar na imagem para ler o post

Partes de mim

Partes de mim
clicar na imagem para ler o post

História de uma esquizofrenia - Jérémy, sua família, a sociedade

História de uma esquizofrenia - Jérémy, sua família, a sociedade
clicar na imagem para ler o post

Maria e Eu

Maria e Eu
clicar na imagem para ler o post

Agarrem-me ou dou cabo desses palhacitos!

Agarrem-me ou dou cabo desses palhacitos!
clicar no post para ler a imagem

Rafeiro Perfumado: "Are you ladrating to me?!?"

Rafeiro Perfumado: "Are you ladrating to me?!?"
Clicar na imagem para ler o post

"Rafeiro Perfumado: a minha vida dava um blog"

"Rafeiro Perfumado: a minha vida dava um blog"
Clicar na imagem para ler o post

O menino de Cabul

O menino de Cabul
clicar na imagem para ler o post

A Educação na Finlândia: Os segredos de um sucesso

A Educação na Finlândia: Os segredos de um sucesso
Clicar na imagem para ler o post

"Aproveitem a vida"

"Aproveitem a vida"
Clicar na imagem para ler o post

"Olha-me nos Olhos"

"Olha-me nos Olhos"
Clicar na imagem para ler o post

"Einstein nunca amou"

"Einstein nunca amou"
Clicar para ler o post

"Mais alto do que as palavras"

"Mais alto do que as palavras"
Clicar para ler o post

Temos de falar sobre o Kevin

Temos de falar sobre o Kevin
clicar na imagem para ler o post

Os Mistérios do Sono

Os Mistérios do Sono
Clicar na imagem para ler o post

Quem mexeu no meu queijo

Quem mexeu no meu queijo
Clicar na imagem para ler o post

Aprender Juntos para Aprender Melhor

Aprender Juntos para Aprender Melhor
clicar na imagem para ler o post

A criança que não queria falar

A criança que não queria falar
clicar na imagem para ler o post

Domesticar a hiperactividade e o défice de atenção

Domesticar a hiperactividade e o défice de atenção
clicar na imagem para ler o post

Síndroma de Down: Leitura e Escrita

Síndroma de Down: Leitura e Escrita
clicar para ler o post

Inclusão - Um guia para Educadores e Professores

Inclusão - Um guia para Educadores e Professores
clicar na imagem para ler o post

O jardim de infância e a família

O jardim de infância e a família
clicar para ler o post

Organização da componente de Apoio à Familia

Organização da componente de Apoio à Familia
clicar na imagem para ler o post

Contributos para o estudo das práticas de Intervenção Precoce em Portugal

Contributos para o estudo das práticas de Intervenção Precoce em Portugal
clicar na imagem para ler o post

O segredo das crianças felizes

O segredo das crianças felizes
Clicar na imagem para ler o post

Crianças (e pais) em risco

Crianças (e pais) em risco
Clicar para ler o post

Comportamentos e estratégias de actuação na sala de aula

Comportamentos e estratégias de actuação na sala de aula
clicar para ler o post

Educar com os pais

Educar com os pais
clicar na imagem para ler o post

A Criança e o Medo de Aprender

A Criança e o Medo de Aprender
clicar na imagem para ler o post

Hiperatividade Eficaz

Hiperatividade Eficaz
clicar na imagem para ler o post

A criança e o psicólogo

A criança e o psicólogo
clicar na imagem para ler o post

A matemática no pré escolar

A matemática no pré escolar
clicar para ler o post

A experiência motora no meio aquático

A experiência motora no meio aquático
clicar na imagem para ler o post

Problemas de alimentação na criança

Problemas de alimentação na criança
clicar na imagem para ler o post

A Intervencão Precoce e a criança com Síndrome de Down

A Intervencão Precoce e a criança com Síndrome de Down
clicar na imagem para ler o post

Educar, promover, emancipar - os contributos de Paulo Freire e Rui Grácio para uma Pedagogia Emanci

Educar, promover, emancipar - os contributos de Paulo Freire e Rui Grácio para uma Pedagogia Emanci
clicar na imagem para ler o post

Da investigação às práticas

Da investigação às práticas
clicar na imagem para ler o post

Valores Educativos, Cooperação e Inclusão autor: Ramos Leitão(Salamanca 2010)

Ouvindo o silêncio

O estranho caso do cão morto

Mal entendidos